Cidade Hotelaria Gastronomia Diversão Comércio Saúde Classificados Tel. Úteis

 
Empresários aprendem processo que reaproveita material vegetal e reduz lixo em aterros  

O Projeto Cidade Verde em parceria com a CESP – Companhia Energética de São Paulo realizou em 16 de maio um curso de compostagem. As biólogas Leila Barbosa, Coordenadora de Educação Ambiental Gerenciamento Ambiental de Ecossistemas - GAE da CESP de Três Lagoas e Deise Martins da CESP de Paraibuna ministraram palestras sobre como efetuar a compostagem e sua importância.

53% do volume total de resíduos vão para os aterros sanitários / lixões. Trata-se de um material vegetal composto. Este material pode criar nutrientes naturais para alimentação de cultivo vegetal, através da compostagem, os microrganismos transformam a matéria orgânica, como estrume, folhas, papel e restos de comida, num material semelhante ao solo, a que se chama composto, e que pode ser utilizado como adubo.

O Curso foi destinado a pessoas do setor privado e público que apoiam o Projeto Cidade Verde. A coordenação ficou por conta de Eduardo David Schebuk e Professor Ademir Oliveira, diretor de Meio Ambiente de Presidente Epitácio.

A CESP informou que a Bióloga Leila Barbosa voltará a Presidente Epitácio em 05 de Junho para ministrar o curso de Capacitação de Mata Ciliar. Em dois períodos, com até 40 pessoas/cada. O público alvo são educadores, sitiantes, hoteleiros que ocupam as margens dos rios, e setor público. O curso fará parte da Semana do Meio Ambiente que acontecera entre 02 e 06 de Junho.




Participaram: Gustavo Marinho Diretor - Gerente da Gelatina Rousselot, Adelaide Minini do Espaço Criança, Guacira Ferraz proprietária do Bellenus Epitácio, Wesley Murad proprietário da Marina Porto Príncipe, Daiane da Silva Ribeiro gerente comercial da Marina e Pousada Porto Príncipe, Carlos Renato Brizolla - Diretor de Recolhimento de Resíduos de Presidente Epitácio, Ademir Oliveira - Diretor de Meio Ambiente de Presidente Epitácio, Ricardo Bezerra, proprietário da Verdetec Reflorestamento e Jardinagem, Marlan Narezzi responsável pela Casa do Agricultor, Luiz Simeoni proprietário da Cinderela Calçados, Marco Aurélio Magalhães Dombi profissional liberal, Erica Heloísa presidente da Associação dos Recicladores de Presidente Epitácio - ARPE, Jorge Gonçalves co-responsável pelo projeto ambiental Sesi, Vespaziano Abreu - eco cidadão, Elaine Machado, Maria do Carmo, Felipe Polizelli biólogo, Ivete Marlim, Antonio Maximo, Amelia Martins e do jornalista Guilherme Duque, assessor de imprensa da prefeitura municipal de Presidente Epitácio.
Com Eduardo Schebuk

 

atualizado:19/05/2014 às 11h37